<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d4000921\x26blogName\x3dAs+Imagens+e+N%C3%B3s\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dLIGHT\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://asimagensenos.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://asimagensenos.blogspot.com/\x26vt\x3d8145402830606333396', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
segunda-feira, agosto 25, 2008
IMAGENS DO MUNDO
"Acidente aéreo causa 65 mortes no Quirguistão

25.08.2008, Autor do texto

Aparelho pertencia a uma companhia aérea interdita pela União Europeia e terá aterrado de emergência num descampado, onde se incendiou


a Um Boeing 737 da companhia aérea Itek Air despenhou-se ontem após ter descolado do aeroporto de Bichkek, a capital do Quirguistão, com 90 pessoas a bordo. O acidente aconteceu ao início da noite (15h30 em Lisboa) e causou a morte de 65 pessoas, de acordo com as autoridades locais, entre elas vários adolescentes que faziam parte de uma equipa de basquetebol escolar do Quirguistão.


Do Público"


Não consigo reproduzir a imagem que acompanha este texto ("Impossível abrir o ficheiro. Poderá estar danificado ou num formato irreconhecível."). Mas para o efeito podemos passar sem ela. A questão é: onde fica o Quirguistão e qumtos recordamos o nome da sua capital minutos após esta leitura? O Público, nessa imagem, mostra alguma das fronteiras do Quirguistão (Tajiskistão e Afeganistão, por exemplo). Mas todos nós temos lacunas pois os países crescem em número e a geografia que aprendemos na escola já não corresponde ao que existe, na actualidade. Por isso, acrescentei ao As Imagens e Nós, um site,
World Geography Games, que se quiser explorar, sozinho, com filhos ou outros amigos e companhias, o pode levar a níveis de excelência. Agora pode ser apenas razoável ou mesmo sofrível (para não dizer mau), mas com aplicação pode chegar a cartógrafo, o que não é tarefa fácil. Basta ir ao site e explorar repetidamente a Europa, a América Latina, a África , etc. Cada nível começa com com um nível tutorial que dá a saber de que país ou capital se trata. Experimente....
 
José Carlos Abrantes | 9:49 da tarde |


0 Comments: