<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d4000921\x26blogName\x3dAs+Imagens+e+N%C3%B3s\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dLIGHT\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://asimagensenos.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://asimagensenos.blogspot.com/\x26vt\x3d8145402830606333396', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
quarta-feira, abril 20, 2005
IMAGENS DE CINEMA: François Truffaut na Cinemateca

No Institut Franco Portugais foi hoje apresentado o ciclo sobre François Truffaut que passará na cinemateca a partir de 17 de Maio. Serão exibidos todos os filmes de Truffaut o que será uma excelente ocasião para (re)ver, entre outros, os “400 golpes”, “L’argent de Poche”, "Julse et Jim", "La femme d'à cotê" ou “La peau douce” que tem alguns (poucos) planos de Lisboa.

Na apresentação esteve o programador da Cinemateca, António Rodrigues e Carole Le Berre, autora de François Truffaut au Travail, editado pelos Cahiers du Cinema. Carole Berre teve acesso aos arquivos de Truffaut e fez uma obra detalhada, muito informada sobre um crítico que se tornou um realizador, hoje consagrado, mas que, lembrou Carole Le Berre, não teve a vida fácil quando fazias filmes. Uma arte, que dizia, vale não só pelo que mostra mas também pelo que esconde. Ou não houvesse um “champ” e um “hors-champ”.
 
José Carlos Abrantes | 9:45 da tarde |


0 Comments: