<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d4000921\x26blogName\x3dAs+Imagens+e+N%C3%B3s\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dLIGHT\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://asimagensenos.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://asimagensenos.blogspot.com/\x26vt\x3d8145402830606333396', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
sábado, agosto 16, 2003
IMAGENS E RECEPÇÃO

Na vida quotidiana são diferentes os dispositivos através dos quais entramos em contacto com as imagens. Podemos ver imagens sozinhos ou acompanhados pelos familiares quando vemos televisão em casa, estamos num grupo mais alargado quando vamos a uma sala de cinema (outro espaço, outros objectos técnicos), podemos entrar em contacto com imagens no meio da multidão anónima através de écrãs espalhados pela cidade. Ontem, mais uma vez, tive um raro privilégio: fui ao CCB (Centro Cultural de Belém), sozinho, ver "La jettée" de Chris Markler. Uma sala simpática com 30 cadeiras, chão atepatado vermelho. O video, uma fotonovela, construído a partir de imagens fixas, foi visto apenas por mim na exibição das 12h. Começo a achar invulgar este usufruir bens culturais individualmente. Invulgar, tranquilo, mas…terrível.
 
José Carlos Abrantes | 8:51 da tarde |


0 Comments: